Henrique Eduardo Alves pede demissão do Ministério do Turismo e setor perde um forte aliado


22/06/2016 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Novidades



O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (PMDB), pediu demissão nesta quinta-feira (16), de acordo com informações do Palácio do Planalto. Em carta enviada ao presidente interino Michel Temer, Alves afirma que não quer “criar constrangimentos ou qualquer dificuldade para o governo de salvação nacional”.

Eduardo Alves é citado na delação premiada do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado como um dos beneficiários de propinas no PMDB. Machado afirma que repassou R$ 1,5 milhão ao ex-ministro, oriundos da Queiroz Galvão e da Galvão Engenharia.

Aliado importante

O BNL lamenta a saída de Henrique Eduardo Alves do cargo, pois o ex-ministro sempre foi um importante aliado na defesa da legalização dos jogos no Brasil.

WhatsApp chat