Jogos contra a corrupção


14/07/2016 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Novidades



As apostas estão altas no projeto da legalização dos jogos, prestes a ser votado no plenário do Senado. O relator, senador Fernando Bezerra (PSB-PE), pediu adiamento da votação. Há pressão dos órgãos fiscalizadores. Na segunda e ontem [terça-feira] ele recebeu procuradores e delegados federais, respectivamente. O grupo propôs a criação de um fundo de arrecadação sobre os jogos para combate à corrupção e lavagem de dinheiro. A ideia foi bem-vinda no Congresso e no setor, que pretende derrubar a tese de que cassinos e bingos são ligados à máfia.

Gira a roleta

Os empresários do Jogo torcem para o projeto do Senado avançar e ser apensado às 14 propostas que tramitam na Câmara. Isso dará celeridade para sanção ainda este ano.

Super Caixa

Ministros próximos do presidente Michel Temer defendem o controle dos jogos para a Caixa, que daria concessões para bingos, cassinos, Bicho. E também fiscalizaria.

Ponto Final

MP, Igreja e a Globo são contra a legalização dos jogos. Cada qual com seus motivos. (Coluna Esplanada – Leandro Mazzini)

WhatsApp chat
-->