Diretor da PF alerta sobre projetos que podem facilitar a lavagem de dinheiro


11/10/2016 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Novidades



Participante da audiência pública desta quinta-feira (6) na Comissão que discute o projeto de combate à corrupção (PL 4850/16), o diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello Coimbra, defendeu mais agilidade para as investigações contra corrupção e alertou sobre projetos que, em sua avaliação, podem facilitar lavagem de dinheiro: o que permite a repatriação de recursos e o que legaliza o jogo no País. “Que não facilitem ou permitam a prática deste crime”, disse.

O diretor-geral não entrou no mérito se o Congresso deve aprovar ou não as propostas que legalizam os jogos, apenas alertou “que se tenha um controle sobre o jogo para que não se transforme em uma forma de lavar dinheiro”, comentou.

WhatsApp chat
-->