Legalização do jogo no Japão enfrentou o mesmo discurso dos opositores do Brasil


28/12/2016 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Novidades



O mundo globalizado e o fácil acesso as informações através da internet facilitam o acompanhamento e o entendimento sobre como as sociedades encaram certos temas como os jogos de azar.

Semelhante ao Brasil, o Japão também é um país conservador e os opositores da lei, que legalizou os cassinos consideram que a abertura desta atividade poderá reavivar o problema da ludopatia no país e pôr em risco a segurança pública por favorecer o crime organizado.

Imprensa tendenciosa

Nesta segunda-feira (26), as agências de notícias EFE e Reuters distribuíram reportagens sobre a entrada em vigor da lei japonesa que legalizou os cassinos naquele país. A mídia contrária repercutiu o conteúdo das agências, mas como sempre, preferiu abordar os aspectos negativos da legalização como a lavagem de dinheiro e o favorecimento do crime organizado.

WhatsApp chat