Receita dos cassinos de Macau cresce a dois dígitos (17,8%) em fevereiro


06/03/2017 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Novidades



A receita bruta dos cassinos de Macau registrou em fevereiro o crescimento mais elevado dos últimos sete meses de 17,8% para 22.9 bilhões de patacas (US$ 2.8 bilhões), informou a Direcção de Inspecção e Coordenação de Jogos.

A partir de agosto de 2016, mês em que se verificou a inversão de uma série longa de 26 meses de contração das receitas brutas do jogo, a única taxa de crescimento semelhante que teve dois dígitos tinha ocorrido em novembro com uma variação positiva de 14,4%.

A receita bruta acumulada nos dois primeiros meses do ano é de 42.2 bilhões de patacas (US$ 5.2 milhões), um crescimento de 10,6% quando comparada com a obtida no período de janeiro/fevereiro de 2016.

Em 2016, as receitas do jogo em cassino em Macau atingiram 223.2 bilhões de patacas (US$ 27.9 bilhões de dólares), montante que representa uma contração de 3,3% relativamente ao valor contabilizado em 2015, com 230.8 bilhões de patacas.

No final de 2016 havia em Macau 38 casinos das seis concessionárias, sendo 20 da Sociedade de Jogos de Macau, 6 da Galaxy Casino, 5 da Venetian Macau, 4 da Melco Crown Jogos (Macau), 2 da Wynn Resorts (Macau) e 1 da MGM Grand Paradise, que dispunham de 6.304 mesas e 15.769 máquinas de jogos.

Nos próximos dois anos deverão abrir três novos complexos turísticos com casino no Cotai, zona de aterros entre as ilhas de Coloane e Taipa. (Macauhub)

WhatsApp chat