Mais um robô supera profissionais de pôquer em duelos de HU


16/03/2017 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Jogos,Novidades



Mais um robô venceu com tranquilidade uma série de profissionais nas mesas de NL Hold’em heads-up. A máquina DeepStack, desenvolvida por técnicos da Universidade de Alberta, no Canadá, repetiu o feito da inteligência artificial Libratus. Dessa vez, onze profissionais participaram do desafio, sendo que apenas um deles conseguiu levar a melhor no confronto de 3 mil jogadas.

O DeepStack derrotou os seus oponentes com uma vantagem de 50 bbs a cada cem mãos, enquanto o Liberatus venceu por 15 bbs. A diferença pode ser explicada pela amostragem, uma vez que em cada partida o Liberatus disputou 30.000 mãos. O nível dos oponentes também foi muito diferente. O DeepStack encarou bons jogadores de NLH, já o Liberatus teve pela frente alguns dos principais nomes da modalidade.

Embora o desafio tenha sido concluído em dezembro, os criadores do DeepStack optaram por revelar o resultado apenas após revisões. Em sua última edição, a revista Science, uma das publicações científicas mais relevantes do mundo, divulgou a vitória do robô.  (CardPlayer)

WhatsApp chat
-->