Há 50 anos já se defendia a legalização do jogo do bicho


17/09/2017 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Novidades



A coluna ‘Há 50 anos’ veiculada pelo O Globo registra nesta sexta-feira, 15 de agosto, reportagem do ano de 1967 sob o título ‘De Lamare propõe legalizar bicho e provoca debates’.

Segundo o jornal carioca “Ao retornar, ontem à noite, de Brasília, o Dr. Rinaldo De Lamare, diretor do Departamento Nacional da Criança, do Ministério da Saúde, disse a O GLOBO que a Comissão de Saúde da Câmara, à qual fez uma detalhada exposição sobre a miséria das populações infantis no Brasil, apoiou a sua idéia de instituir uma loteria popular e vai patrocinar projeto de lei nesse sentido. A Legião Brasileira de Assistência se transformaria em Fundação e ficaria encarregada da assistência global à maternidade e à infância, valendo-se dos 20% da contribuição dos “bicheiros”.”

Comento

Se a ideia tivesse sido aplicada há 50 anos atrás, muito provavelmente a legislação de loterias e jogos no Brasil não estaria tão atrasada e antiquada como atualmente. Além disso, estaríamos vivendo dias menos hipócritas sobre esta atividade.  

WhatsApp chat
-->