Venda de bilhetes da Loteria de Maryland registraram crescimento com jogo legalizado


30/11/2017 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Novidades



Uma das grandes preocupações do Estado de Maryland com a legalização dos cassinos e das VLTs (vídeo-slots) era a deteriorização da Maryland Lottery, exatamente como aqui no Brasil, mas na realidade este fato não ocorreu. Pelo contrário, com payout de 64.9% as vendas de bilhetes continuaram batendo recordes, mesmo com a introdução das novas modalidades de apostas.  

A venda de bilhetes da Loteria de Maryland já atingiu este ano o recorde histórico de US$ 1.935 bilhões, superando o recorde anterior de US$ 1.908 bilhões no no fiscal de 2016 em mais de US$ 27,1 milhões (1,4%).

Os jogadores da loteria também registraram ganhos recordes de US$ 1.197 bilhões em prêmios, com um aumento de 5,4% em relação ao recorde anterior de US$ 1.135 bilhões de 2016. A loteria pagou uma média de quase US$ 3,28 milhões por dia em prêmios durante o ano fiscal de 2017.

Consequentemente, os vendedores da loteria obtiveram uma rentabilidade recorde de US$ 145,9 milhões em comissões de vendas, com aumento de US$ 4,7 milhões (3,4%) em relação ao recorde anterior de US$ 141,2 milhões no acumulado em 2016.

Probabilidade de ganhos

Um estudo da Universidade de Delaware comprovou que o prêmio acumulado das VLTs representa aproximadamente 17% do valor arrecadado com mais 83% em prêmios secundários, somando 90% em prêmios para o apostador.

As chances de o jogador ganhar um prêmio acima de US$ 1,000,000:

– Italian Lottery (Italia) – 1 em 623 milhões.

– Mega Millions Lottery (USA) – 1 em 259 milhões.

– Powerball (USA) – 1 em 175 milhões.

– German Lotto (Alemanha) – 1 em 140 milhões.

– Euromillions Lottery (Europa) – 1 em 117 milhões.

– Italian Lottery Second Prize (Italia) – 1 em 104 milhões.

– VLT Maryland (USA) – 1 em 12 milhões.
Fonte: BNL Data

WhatsApp chat