A ICE 2018 foi ainda maior


15/02/2018 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Novidades



O maior evento de jogo do mundo certamente quebrou todos os recordes desde a sua abertura na terça-feira (7), Apesar dos números finais de visitantes ainda não terem sido divulgados, era evidente que esta edição da ICE London 2018 estrará para a história. Os corredores do Excel Center estiverem lotados de visitantes que puderam conferir as novidades de 589 empresas de 65 países, que ocuparam o maior espaço na história do evento, informou o portal Yogonet.com.

“A ICE 2018 foi ainda maior”. “Os olhos do mundo estão focados nos eventos que acontecem nesta edição histórica da feira e as tecnologias que estão sendo reveladas pelos inovadores líderes da indústria”, comemorou Kate Chambers, diretora-geral da Clarion Gaming.

Os organizadores não divulgaram os números, já que a Clarion insiste na auditoria independente de atendimento para que os números estejam disponíveis em pelo menos duas semanas. Mas eles admitiram que “a evidência visível sugere que o comparecimento global estará em linha com o aumento de 4% nos pré-registros”.

A feira deste ano ocupou 43,5 mil m2 do Centro de Exposições ExCeL London, que já garante um recorde para a exposição, que está no caminho de ocupar toda a área do local. Este ano ocupou 36 salões ou 82% dos 44 salões disponíveis.

Uma vez que a exposição partiu de Earls Court em 2012 praticamente dobrou em tamanho. Mas os organizadores estão interessados em enfatizar que a estratégia não é o crescimento a qualquer custo, mas sim a construção de números de visitantes em conjunto com os números dos expositores.

Poucos brasileiros

Curiosamente, a melhor Feira de Londres da história do evento foi a que recebeu o menor número de brasileiros dos últimos anos, principalmente se compararmos com a edição de 2017. Este ano foram menos de 30 brasileiros, incluindo a comitiva do Ministério da Fazenda e da Caixa Econômica Federal. No ano passado foi registrada a presença de mais de 100 brasileiros pelos corredores do Centro de Exposições londrino.
Fonte: BNL Data

WhatsApp chat