2º Prêmio FGTS de Monografias inscreve até 20 de setembro


22/08/2018 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Novidades



Estão abertas as inscrições para o 2º Prêmio FGTS de Monografias até o dia 20 de setembro de 2018. O concurso pretende estimular a pesquisa sobre temas relacionados ao Fundo de Garantia que contribuam para o aperfeiçoamento do modelo brasileiro de financiamento com recursos do fundo, especialmente sob os enfoques social, jurídico e econômico.

Nesta segunda edição do Prêmio, os trabalhos devem repercutir um dos dois temas propostos no regulamento: “O FGTS e a reforma trabalhista”, e “O FGTS e o déficit habitacional, de saneamento e de mobilidade urbana”. Os primeiros e segundos colocados em cada uma das três categorias receberão prêmios de R$ 20 mil e R$ 10 mil, respectivamente. 

Será admitida a inscrição somente via internet, no endereço eletrônico www.premiofgts.caixa.gov.br , onde também está disponível o regulamento. Só poderão ser inscritos trabalhos individuais e inéditos. O resultado será divulgado em novembro.

O 1º Prêmio FGTS de Monografias foi realizado em 2016 e distribuiu R$ 90 mil em dinheiro para os vencedores das três categorias. Os trabalhos apresentados em 2016 tinham como temas: “Contribuições do FGTS para a transformação social e/ou desenvolvimento sustentável do Brasil” e “Aspectos legais ou jurídicos do FGTS”. A proposta é que o concurso seja realizado sempre a cada dois anos.

Categorias
Na categoria Graduados e Pós-Graduados, podem concorrer candidatos com ensino superior completo em qualquer área de formação. Na categoria Universitários, participam estudantes que não se enquadram na categoria anterior e que estejam regularmente matriculados em cursos de nível superior reconhecidos pelo Ministério da Educação.

Na categoria Trabalhadores Beneficiados pelo FGTS, podem se inscrever candidatos que não se enquadram nas duas categorias anteriores e que devem ter trabalhado pelo menos 90 dias com carteira de trabalho assinada a partir de 02/01/2017.
É necessário que os trabalhos sejam inéditos, que não tenham sido publicados na imprensa, em revistas especializadas ou livros.
Fonte: CAIXA

WhatsApp chat
-->